Vídeos da terra

Loading...

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

terça-feira, 29 de novembro de 2011

domingo, 27 de novembro de 2011

sábado, 26 de novembro de 2011

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Foto enviada por: Carlos Pereira Nobre

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

sábado, 19 de novembro de 2011

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Foto enviada por: Carlos Pereira Nobre
 

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Foto enviada por: Carlos Pereira Nobre

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Partir c'est mourir um peu


João Cristóvão
1932-2011
Partir, c'est mourir un peu,
C'est mourir à ce qu'on aime :
On laisse un peu de soi-même
En toute heure et dans tout lieu.

C'est toujours le deuil d'un vœu,
Le dernier vers d'un poème ;
Partir, c'est mourir un peu.

Et l'on part, et c'est un jeu,
Et jusqu'à l'adieu suprême
C'est son âme que l'on sème,
Que l'on sème à chaque adieu...
Partir, c'est mourir un peu.

Ti Lino

Até sempre


sexta-feira, 11 de novembro de 2011

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

pixote

Manuel da Herminia e Lino, na pedreira do Joaquim Leonel

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

terça-feira, 8 de novembro de 2011

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Pedreira do Joaquim Leonel

Foram precisos mais de dois anos para encontrar fotos das pedreiras de Vila Nova de Outil ainda em funcionamento. Os louros vão direitinhos para Arménio dos Santos Veríssimo que as colocou no site Tribuna dos Papaluas, do Zambujal. Não pedi autorização, por isso espero que ele não se importe.
Vale a pena fazer uma visita em http://papaluas.ning.com/

As imagens são da pedreira do Joaquim Leonel e datam dos anos 60.


domingo, 6 de novembro de 2011

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

quinta-feira, 3 de novembro de 2011


Jesuina Baía

terça-feira, 1 de novembro de 2011